Google+ Followers

Pesquisar este blog

terça-feira, 20 de junho de 2017

7 passos para fidelizar clientes em uma clínica de estética



7 passos para fidelizar clientes em uma clínica de estética

Ter clientes na recepção de sua clínica procurando informações sobre os seus serviços é muito bom. E se ele fechar um tratamento é ainda melhor. Mas como fazer pra que ele retorne quando o tratamento acabar? Como tornar seu cliente assíduo e fiel ao seu serviço, mesmo com a concorrência de mercado?
Acredite, até grandes empresas e profissionais renomados fazem essa mesma pergunta. Felizmente, surgiram boas respostas para elas. Na verdade é um conjunto de atitudes que promove a fidelização dos clientes para a sua clínica.
Acompanhe esses passos simples para você fidelizar seu cliente.

1° Conheça seu cliente
É o primeiro passo para que você possa identificar suas necessidades e oferecer serviços que atendam essademanda. Sabendo quem ele é, você pode estreitar o relacionamento com ele e oferecer tratamentos diferenciados, personalizados e especiais.
Para conseguir dados mais completos, crie formulários mais detalhados. Só não seja invasivo. E para incentivar o preenchimento deles, ofereça brindes ou promova sorteios.
2° Transforme sua clínica em um espaço de bem-estar
Num mercado competitivo é necessário que seu cliente encontre em sua clínica mais do que produtos e serviços. Ofereça um ambiente de bem-estar, onde ele se sinta acolhido e relaxado. O objetivo é transformar a estada dele numa experiência gratificante que vá além do serviço prestado.
3° Ouça seu cliente
O feedback é muito importante para gerenciar melhor seus resultados, identificar pontos fracos e aprimorar os seus serviços. Abrir um canal de comunicação onde seu cliente possa ser ouvido, o valoriza e estreita o vínculo entre ele e a clínica.
Oriente seus colaboradores a perguntar se os clientes foram bem atendidos. Abra canais também na web onde seus clientes possam deixar comentários e avaliações sobre sua clínica. Seja atencioso para responder as críticas e amável para agradecer os elogios.
Envie mensagens de agradecimento e faça seu cliente se sentir notado e reconhecido. A manutenção de um contato gentil após um tratamento contribui para seu retorno.
4° Informe suas novidades

Essa é uma boa maneira de manter o vínculo. Use o Facebook, Instagram, Twitter e e-mail para deixar seu cliente ciente das novidades em serviços, promoções e tratamentos.
Crie também pequenos textos informativos sobre assuntos relacionados com beleza/saúde, e mostre como seus serviços são úteis para ele.
5° Crie um cartão fidelidade
Várias empresas fazem isso e o motivo é que estudos comprovam que adoção de um cartão de fidelidade incentiva a lealdade dos clientes. Mas não precisa ser um grande empresário para incluir um o cartão fidelidade na sua estratégia de marketing. É possível criar um pequeno cartão com o qual o cliente possa conseguir descontos ou premiações conforme quantidade de serviços adquiridos.
6° Programas de acúmulo de pontos
Essa é uma estratégia que tem efeitos muitos positivos. A implementação de um programa de bonificação é simples e fácil de ser adotada. Consiste em estabelecer um número x de pontos para todo tratamento que o cliente fizer. E a partir de x quantidade de pontos, o cliente ganha alguma premiação. Pode ser um desconto, um valor a ser abatido no próximo tratamento ou um brinde especial.
7° Planeje suas ações promocionais
Antes de escolher uma promoção e estabelecer descontos e premiações é importante calcular os descontos que você pode oferecer sem comprometer a sua receita. Defina um prazo de vigência que some o entusiasmo dos clientes à sua capacidade de sustentação da promoção.
Jamais faça uma promoção que te coloque num limite perigoso em suas contas. E ao contrário, uma promoção insípida não vai atrair os clientes. Encontre o equilíbrio de suas ações.

Com a adoção dessas ideias sua clínica ganhará em qualidade e proximidade com a clientela. E sua implementação se reverterá em clientes mais fiéis.

Fonte: farmaciaestetica.com.br

sábado, 17 de junho de 2017

6 Coisas que você precisa saber sobre clientes fiéis



A oferta do melhor produto/serviço, associada a uma variedade enorme de tratamentos, menor preço do mercado, melhor equipe, nas melhores instalações possíveis e ainda com a melhor condição de pagamento, não é a realidade da maioria esmagadora das clínicas de estética do mercado brasileiro e portanto, para atrair consumidores para a sua clínica de estética você precisa investir pesado na fidelização do seu cliente.

Um cliente fiel, é um cliente encantado com o seu serviço. Muitos estudos e pesquisas de marketing, apontam que manter clientes fidelizados é mais fácil e mais barato do que conquistar novos clientes. Seguem abaixo algumas das vantagens da fidelização de clientes, que podem até parecer bastante óbvias, mas que nos surpreendem com um resultado incrível.


1 – Redução de custos com propaganda

Um cliente fiel sempre volta pra fazer algum tratamento em sua clínica, portanto com esse cliente você não precisa gastar com propaganda, ou seja, se você cria um círculo de clientes fidelizados, você tem a possibilidade de reduzir seus custos ou investir esse dinheiro pra melhoria de outros setores ou ainda aumentar seu lucro.

2 – Atração de novos clientes pelos clientes fidelizados

Esse tópico tem total relação com o tópico anterior. Pense que uma clientela fixa, leal e satisfeita, fará propaganda boca a boca da sua clinica de estética para os amigos e familiares. Quem nunca ouviu que a melhor propaganda que existe é a boca a boca?

Quando seus clientes são fiéis, eles indicarão sua clínica para outros clientes, que também poderão se tornar fiéis e indicar a outros, formando assim um ciclo de clientes fidelizados. Perceba a oportunidade que você tem de demonstrar a sua credibilidade sem custo!

3 – Aumento das vendas

Aqui começa a aparecer a obviedade que comentamos no início do post. Mas não é claro que manter uma base de clientes fixos e leais que ainda trazem outros clientes para a sua empresa aumenta as vendas de tratamentos?

Estudos também indicam que clientes fiéis costumam comprar de você uma variedade maior de produtos/serviços, tudo isso por confiar em você. 

4 – Preços acima do mercado

Os clientes que se sentem satisfeitos, acolhidos e encontram intimidade com a sua clínica de estética não procuram ver o preço dos concorrentes. A ideia de comprar na sua clínica é tão natural, que mesmo que os seus produtos/serviços estejam acima da média do mercado, seus clientes vão preferir sua clínica, ou seja, eles estão dispostos a pagar um pouco mais pelo seu produto/serviço por confiarem na sua reputação e por já conhecerem e se identificarem com suas práticas. Isso também aumenta a sua margem de lucro.

5 – Redução dos custos

Em qualquer artigo sobre administração e marketing dos famosos gurus que estudam o tema da importância do cliente e como atraí-lo, conquistar novos consumidores custa para a sua empresa de 5 a 7 vezes mais do que manter satisfeitos aqueles que já são fiéis à sua clinica, ou seja, fidelizar clientes é um grande investimento que entrega redução de custos para a seu negócio e consequentemente aumenta sua lucratividade.

6 – Feedback qualificado

Normalmente, a única comunicação que vem espontaneamente do seu cliente é a reclamação e mesmo assim, muitos clientes preferem apenas abandonar a sua clinica, portanto, se algum cliente conhecido fizer algum tipo de reclamação, ouça e considere.

Eles são os melhores indicativos de como anda a qualidade dos seus serviços/atendimento. Pense que a questão levantada por um pode ser objeto da insatisfação de outros também. Esses clientes que reclamam querem ser ouvidos e querem ter a certeza de que o seu problema será solucionado. Entendendo o fato origem da reclamação e criando uma solução interna definitiva para o problema significa que você resolverá de uma só vez o problema de muitos clientes. Em contrapartida, os clientes não fidelizados simplesmente abandonam sua marca já no primeiro sinal de falha.

Finalizando

A fidelização de clientes é uma das ferramentas mais eficientes nas estratégias de competitividade de mercado e deve ser considerada essencial para o sucesso da sua profissão, portanto invista em um sistema que te proporcione um ótimo gerenciamento de relacionamento com o cliente. Isso irá facilitar sua comunicação e deixará seus clientes ainda mais próximos do seu negócio.

Tenha o seu cliente como foco, pois, a partir do momento em que ele incorporar a sua marca pra vida, ele nunca mais abandonará seus serviços e além disso fará propaganda gratuita De seus serviços. Se você deseja sempre atrair mais clientes é fundamental que não se esqueça dos já conquistados! O esforço na retenção de clientes é um investimento que garante o aumento das vendas e a redução das despesas.

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Tratamento com multicorrentes para acabar com a flacidez muscular

Tratamento com multicorrentes para acabar com a flacidez muscular



Diversos fatores contribuem para essa condição; procedimentos estéticos podem ajudar

Sabe aquela sensação desconfortável que dá ao perceber a flacidez muscular? Infelizmente, isso é mais comum do que muitos gostariam.

Algumas vezes ela é resultado comum do sedentarismo, do chamado efeito sanfona e também se origina de outros fatores, como a idade, por exemplo. 

No início da vida adulta, tanto mulheres quanto os homens precisam se exercitar, pois o organismo começa a trabalhar de uma forma mais lenta, em comparação ao seu funcionamento durante a infância e adolescência.

A produção natural de colágeno vai diminuindo ao longo dos anos, comprometendo a renovação dos tecidos. Além disso, modificações ocorrem na estrutura das fibras que compõe os músculos, com consequente redução do tônus muscular, resultando na flacidez corporal.
E embora o envelhecimento seja um dos principais causadores da flacidez, assim como o sedentarismo e a variação de peso, eles não são os únicos responsáveis por essa condição.

Existem outros fatores que podem prejudicar e muito as estruturas da pele, como a exposição excessiva ao sol, por exemplo. Os raios ultravioletas danificam a epiderme e a derme, a camada mais profunda da pele.

E é exatamente na derme que se encontra o colágeno, uma proteína produzida pelo próprio organismo e responsável por manter a firmeza da pele.

Os raios de sol têm a capacidade de degenerar fibras elásticas e colágenas, prejudicando a sustentação da pele. Sem contar que a alimentação e o tabagismo também podem contribuir para a flacidez.

A fisioterapeuta dermato funcional, Thaís Rodrigues ressalta que o ideal sempre é prevenir, porém em muitos casos onde a pele se encontra flácida é possível recuperá-la por meio de recursos específicos como, por exemplo, radiofrequência, luz pulsada, LED e microcorrentes, entre outros.

Entre essas diversas técnicas o uso de correntes tem se mostrado uma das mais eficientes para a melhora da flacidez muscular. Tecnologias como o Stimulus R, por exemplo, oferece a possibilidade de utilização de diversas correntes excitomotoras.

"No caso da flacidez, a estimulação dos músculos por meio dessa tecnologia proporciona uma hipertrofia que é resultada de estímulos que contraem a musculatura intercalados por períodos de repouso. Estes estímulos são aplicados em pontos estratégicos como regiões anteriores, posteriores e interno de coxas, no abdômen, glúteos e braços com intensidade e frequências apropriadas", explica.

Essas correntes geram contrações musculares involuntárias, ou seja, sem que o cliente tenha consciência de que irá fazer uma contração, com o objetivo de ativar os músculos sedentários, visando o ganho de tônus muscular.

De acordo com Thaís, os resultados podem ser visíveis já nas primeiras sessões, porém recomenda-se um tratamento de, pelo menos, oito semanas. Após esse período, aconselha-se dar sequência ao tratamento ou exercícios físicos para manutenção dos resultados.

Aliás, a consultora lembra ainda que os resultados variam de acordo com cada cliente.




Este é um conteúdo comercial divulgado pela empresa Dino

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Entenda como o bom atendimento de estética pode te impulsionar

Entenda como o bom atendimento de estética pode te 

impulsionar

A sua melhor propaganda é o seu cliente. A frase é clichê e antiga, mas é um daqueles chavões que dizem a verdade.





De fato, existem setores em que a credibilidade é um ponto essencial para que os clientes escolham o estabelecimento para frequentar. A estética está, certamente, entre esses.
É uma atividade em que há um contato relativamente frequente e duradouro, entre os profissionais e a clientela. Esses fatores fazem com que a pessoa precise se sentir confortável e confiante no momento de ser atendida.
Por isso, preparamos um post especial sobre como o atendimento de estética pode fazer a sua clínica de estética crescer ainda mais. Confira!

Perder um cliente por um mal atendimento de estética pode significar um baita prejuízo


Você pode prestar o melhor serviço do mundo, mas se a sua equipe não estiver preparada para lidar com os clientes, não adianta correr atrás do prejuízo.

O atendimento é um dos pilares do negócio — junto ao planejamento financeiro e qualidade do serviço — e impacta seu crescimento. E a razão é simples: bom atendimento de estética retém clientes. Não só isso, mas também garante repercussão positiva e gratuita.

atendimento é crucial para fidelizar clientes

Enxergue o atendimento como a forma mais barata de garantir a fidelização ou, ao menos, o retorno do seu cliente. Você não precisa gastar em publicidade, tampouco perder horas ligando e pedindo para que ele volte a visitar a sua clínica.
Um cliente feliz, principalmente nesse mercado, certamente repercutirá com as pessoas próximas sobre o tratamento positivo e indicará a sua clínica como uma excelente opção. O que pode ser melhor do que isso?

A receita de um bom atendimento de estética

O primeiro passo para atender bem o seu cliente é conhecê-lo. Saiba quem ele é, do que precisa, os motivos que o trouxeram até a clínica de estética e as expectativas dele em relação ao estabelecimento.
Você pode usar suas pesquisas de público-alvo para ajudar a constituir o perfil dos seus clientes. Tendo isso em mãos, garanta que atendentes e secretárias estejam preparadas para tratar as pessoas de forma cordial.
Ser educado, prestativo, objetivo na hora de passar informações, conhecer muito bem a clínica de estética, ter domínio sobre os procedimentos e demonstrar alegria no ambiente de trabalho são requisitos básicos e essenciais para conquistar o respeito da clientela e bons comentários quando saírem pela porta da sua clínica de estética.

Apostar em atendimento e personalização é uma tendência

Não é a toa que o setor de estética está se reinventando no mercado. Em vez de espaços que lembram consultórios médicos, os estabelecimentos buscam criar experiências sensoriais que tornem o ambiente mais descontraído e leve, uma espécie de espaço social.

É o caso dos salões de barbearia que incluem em suas dependências mesas de sinuca e bares para estimular a confraternização entre profissionais e clientes. Uma tendência que vai se transformando em realidade.
E você, concorda que o bom atendimento de estética pode ser o diferencial para a sua clínica crescer ainda mais? Tem alguma experiência para dividir conosco? Então deixe o seu comentário!

Fonte: http://www.gestaodeestetica.com/

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Um medo chamado Melasma



A palavra melasma é derivada do grego ‘melas’, que significa negro. Este distúrbio tem como característica manchas castanhas, claras ou escuras, geralmente na face. Segundo a dermatologista Paula Bellotti, trata-se de uma doença crônica, com fases de melhora e piora. “O melasma é uma condição caracterizada por manchas escuras, principalmente na face. Ocorre com maior frequência nas mulheres, mas também pode acometer os homens. Além dos fatores hormonais e da exposição solar, a tendência genética e características raciais também influenciam no surgimento do melasma”, diz.

Esta disfunção acontece por alguma descompensação no mecanismo fisiológico do melanócito, célula responsável pela produção de melanina que é uma das responsáveis pela proteção da pele contra as agressões promovidas pela radiação solar. Um dos fatores pelos quais o melasma acomete as mulheres são os hormônios femininos. Por isso, nos momentos em que a concentração de hormônios femininos no organismo aumenta, o melasma pode piorar. As manchas, que aparecem principalmente na região das maçãs do rosto, da testa e do buço, também são causadas pela exposição solar exagerada e sem proteção. O sol é um grande inimigo da nossa pele, não se proteger pode custar um preço muito maior do que o investimento em filtros todo mês.


Tratamentos

O tratamento do melasma não acontece do dia pra noite, é demorado e exige, acima de tudo, paciência. A fisioterapeuta especialista em dermato funcional e bióloga Laura Carmona, tem muita experiência quando o assunto é manchas na pele. A intensidade e extensão das manchas variam caso a caso, mas de acordo com ela, com um tratamento adequado e rigoroso, as manchas podem ser amenizadas. “Semanalmente, recebo casos de mulheres acometidas por melasma e, a maioria delas, quando explico que o tratamento é longo, que será necessário ter paciência e disciplina, acaba desistindo. Aquelas que ficam, geralmente já passaram por inúmeros tratamentos estéticos (principalmente peelings profundos, lasers e hidroquinona) sem obter sucesso ou tiveram o chamado ‘efeito rebote’ após procedimentos. Ou seja, obtiveram melhora inicial e após algum tempo a mancha retornou ainda pior”.

Na visão da especialista, o primeiro passo para o tratamento é compreender que uma pele acometida pelo melasma é uma pele em desequilíbrio. “E antes de qualquer intervenção com agentes clareadores e agressores, há uma enorme necessidade em devolver saúde para este tecido, possibilitando que as células trabalhem em harmonia”, afirma.

As experiências de Carmona mostraram que não existe uma receita mágica para tratar o melasma, como também não existe um tratamento melhor do que o outro. O importante é avaliar cada cliente de maneira global, compreendendo suas deficiências e hábitos de vida. “Algumas técnicas têm se mostrado muito eficazes para a reestruturação da pele. Costumo dizer que existem cinco pilares básicos para o sucesso de um tratamento de hipercromia: 1. Usar filtros solares com alta proteção UVA e UVB (de preferência os fotoestáveis); 2. Hidratação; 3. Nutrição; 4. Fortalecimento do Sistema Imunológico; 5. Estímulo na síntese de substâncias (principalmente colágeno e elastina). Então, qualquer tratamento que envolva esses cinco pilares é muito bem vindo para compor um plano eficaz no combate às hipercromias em geral”, salienta.

Para a dermatologista carioca Paula Bellotti, certos tipos de peelings podem ajudar. “Peelings superficiais e peelings a laser aceleram o processo, facilitando a penetração dos despigmentantes e ajudando a remover o pigmento das camadas superiores da pele”.

Para Carmona, é a combinação de técnicas que traz um resultado efetivo. “Inicialmente, utilizar ativos antioxidantes (preferencialmente os lipossomados e nanossomados), com ajuda da eletroporação que facilita a permeação em até 400 vezes ou a própria ionização, LEDS (vermelho e infravermelho, principalmente), drenagem linfática manual para estimular o sistema linfático e melhorar a circulação, microcorrentes que promovem a revitalização cutânea, dentre muitos outros. Ao constatar que o tecido já está reestruturado, podemos começar o uso de agentes inibidores da tirosinase, como o ácido fítico, kójico e elágico, sempre respeitando a limitação de profundidade permitida a cada profissional”, avalia.


Saiba como a produção de pigmento melanina acontece

A melanogênese (síntese de melanina) é realizada por células especializadas, localizadas na camada basal da epiderme que são chamadas de melanócitos. Os melanócitos produzem pequenas vesículas chamadas de melanossomas, que são encarregadas de produzir, armazenar e secretar a melanina para os queratinócitos.

Ao ser estimulado pela radiação solar ou por outros fatores intrínsecos e/ou extrínsecos, o melanócito começa a cascata bioquímica da melanogênese no interior dos melanossomos. Primeiro, ocorre a transformação de tirosina em DOPA, mediada pela enzima tirosinase. Esta mesma enzima transforma a DOPA em DOPAquinona. Então, duas vias diferentes são iniciadas, a via de formação das feomelaninas (melanina amarela e vermelha) e das eumelaninas (melanina marrom e preta). A melanina desempenha um importante papel na proteção do núcleo celular dos queratinócitos, funcionando como um escudo contra os danos causados pela radiação.


Entenda porque existe a dificuldade de eliminarmos as regiões escurecidas da pele

Porque os melanócitos são células dotadas de memória e são muito sensíveis aos estímulos tanto internos, como externos. Uma vez que se tornam hiper-reativos, começam a sua produção exacerbada de melanina. Aí está a grande questão, a grande dificuldade. Não há como reverter completamente um quadro de melasma sem restabelecer o equilíbrio dos melanócitos afetados. Estudos demonstram que estes melanócitos são maiores, possuem dendritos mais proeminentes e uma quantidade maior de melanossomos. Usar somente um agente inibidor da tirosinase não é solução eficaz para acabar com o problema, pois ao mínimo estímulo, a produção de melanina em excesso será reativada. Ao estudar as características de um tecido afetado por melasma, fica claro que o principal fator para o sucesso do tratamento é sinalizar para os melanócitos que podem “relaxar” e cessar a sua produção exacerbada de melanina.




FONTE: Revista Negócio Estética



quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Biomedicina - Campo de Atuação na Estética


Campo de Atuação na Estética


Em 22 de fevereiro de 2011 foi publicada a Resolução da Biomedicina Estética, a nova habilitação biomédica.
O projeto inicial como podem ver abaixo foi para conscientizar a classe sobre a capacidade do Biomédico em atuar na Saúde Estética.
Este projeto foi apresentado na Plenária do CFBM pela Dra. Ana Carolina Puga, em Recife-PE, em 10 de outubro de 2010, sendo votado e aprovado por unanimidade pelos membros do CFBM e CRBMs.
O nosso projeto da “Biomedicina Estética” teve como objetivo a conscientização da classe sobre a possibilidade da inserção dos biomédicos no exercício de procedimentos estéticos de todas as naturezas, exceto cirúrgicos, bem como a sua inclusão neste mercado de trabalho em expansão. A atuação do biomédico na estética é uma realiadade que, sob a comprovação científica dos métodos e técnicas utilizados, desenvolve e aplica os tratamentos para as disfunções dermato-fisiológicas corporais, faciais e envelhecimento fisiológico relacionados à derme e seus anexos, tecido adiposo e metabolismo. A Biomedicina Estética cuida da saúde, bem-estar e beleza do paciente, levando os melhores recursos da saúde relacionados ao seu amplo conhecimento para o tratamento e recuperação dos tecidos e do organismo como um todo.
O biomédico possui um preciso entendimento das características da derme, seus anexos, demais tecidos e inclusive o metabolismo, ou seja, todo o funcionamento dermato-fisiológico, possibilitando a realização de terapias que promovem uma melhor qualidade de vida ao paciente. O biomédico saiu de trás da bancada em busca do consultório, partindo todo o seu conhecimento generalista, humanista, crítico e reflexivo, exercendo de forma profissional pesquisando e tratando disfunções físicas e energéticas, sem deixar de lado o rigor científico e ético.
Agora temos mais uma área terapêutica para atuação biomédica e vejam a seguir alguns dos procedimentos e campo de atuação do profissional Biomédico Esteta.

Procedimentos e Direitos que o biomédico já pode exercer na Biomedicina Estética:

  • Laserterapia;
  • Carboxiterapia;
  • Intradermoterapia;
  • Radiofreqüência estética;
  • Ultrasom focalizado – HIFU;
  • Luz Intensa Pulsada e LED;
  • Laser Fracionado;
  • Procedimentos Invasivos não Cirurgicos;
  • Avaliação Estética;
  • Anamnese corporal e facial;
  • Classificação da pele – dermatoscópio;
  • Classificação da Síndrome de Desarmonia Corporal;
  • Definição do Tratamento
    a ser realizado;
  • Definir estratégia de tratamento;
  • Registro de foto;
  • Análise das disfunções estéticas (dermato-fisiológicas);
  • Evolução do paciente;
  • Treinamentos técnicos;
  • Responsável Técnico de Empresa que Executam Atividades para fins
    Estéticos.
    Responsabilidade Técnica de Empresa que Executam Atividades para fins Estéticos;
  • Supervisão do tratamento;
  • Acompanhamento do paciente durante o tratamento;
  • Formar um raciocínio dinâmico, rápido e preciso na solução de problemas de disfunções dermato-fisiológicas dentro da Biomedicina Estética;

Maiores Informacões: Capacitação do Biomédico Esteta – SBBME

Conquistamos o direito de atuar na acupuntura com terapêutica e o mesmo obtivemos para a especialização aplicada à saúde estética!

Na biomedicina estética, como biomédicos, podemos:

  • Atuar de maneira diferenciada dos demais profissionais da saúde e da beleza, respeitando os espaços de atuação multiprofissional, o código de ética, órgãos governamentais e as Leis em vigor;
  • Desenvolver pesquisas e trabalhos em Biomedicina aplicados à estética e suas tecnologias e procedimentos;
  • Abrir ao biomédico, novos e maiores campos no mercado de trabalho;
  • Atuar como profissionais liberais em consultórios, clínicas especializadas e todas as demais empresas relacionadas à indústria do bem-estar e saúde;
  • Estudar e lecionar em cursos de graduação e pós-graduação na biomedicina estética.

Diferencial do Biomédico na Estética:

  • Entendimento e domínio completo dos recursos tecnológicos e entre outros.


Especialidade em Estética:
Ainda, o biomédico especializado, proporciona uma abordagem terapêutica direcionada à forma precisa de tratamento, potencializando e garantindo melhores e efetivos resultados sem causar riscos à saúde, objetivando bem-estar e melhora da qualidade de vida do paciente.

Fonte: http://biomedicinaestetica.bmd.br/
Dra. Ana Carolina Puga – CRBM: 5589
Presidente da Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética – SBBMEacpuga@biomedicinaestetica.bmd.br